Saltar para o conteúdo Saltar para o menu Saltar para o rodapé

sua prática / reflexão teórica

Hilda Hilst, da palavra à emoção

Cintia Fabiana Scatolini Baldin

19 de setembro de 2018

Com um título muito sugestivo, o curta-metragem “A Obscena Senhora Silêncio” relata a vida da menina que deixou de ser bailarina, como era a vontade de sua mãe, para se tornar uma escritora de sucesso, com estilo marcante e de escrita peculiar, a inconfundível Hilda Hilst.  O roteiro de Leandra Lambert revela traços importantes e curiosos da vida dessa escritora, inclusive questões relacionadas à epifania, transcomunicações e visões do sobrenatural.

O curta-metragem dirigido pela própria Leandra e por Alexandre Gwaz apresenta trechos protagonizados pela própria escritora que, com maestria, conta recortes significativos de sua vida, conversa com o amigo José Mora Fuentes e mostra a casa onde viveu “a Casa do Sol” cercada por seus animais, envolvendo-nos numa linguagem criativa e, por vezes, com presença de humor que lhe é muito peculiar.

A simplicidade das imagens de Hilda, em meio a sua vida cotidiana, contrapõe-se ao mundo complexo, emotivo e misterioso que a roteirista nos apresenta e, sobretudo, possibilita-nos a entrar nesse clima de mistura de sensações. As imagens, sons e a narração de trechos de suas obras, em sua própria voz, mexem com nosso imaginário e nos levam a mergulhar nesse mundo particular de Hilda.  

A sequência dos fatos apresentados, intercalados por trechos da obra de Hilda Hilst, reportam-nos a um passado interessante que compõem momentos marcantes de sua vida. No que tange às questões sobrenaturais apontadas na obra, há indícios de uma personalidade incomum, e, por isso, a curiosidade que se desperta quando assistimos ao curta.

Pela expressividade da obra da escritora e pelo fato de, em vários momentos, ter o seu próprio olhar sobre sua vida, o curta-metragem é instigante e, sobretudo, revelador de uma personagem que nos leva a refletir acerca do mundo hilstiano e nos aponta características marcantes de seu estilo.

Ao assistir ao curta-metragem, ficamos instigados a conhecer mais sobre sua vida e, principalmente, sobre sua obra, já que o produto cultural nos permite internalizar questões essenciais e características fundamentais da vida e obra dessa mulher, muitas vezes, indecifrável.

Além da apreciação do curta-metragem e de suas características, esse produto cultural revela condições de ser trabalhado em sala de aula, sobretudo, para analisar o estilo da autora e identificá-lo em outras obras, inclusive àquelas citadas no próprio produto. Outra possibilidade de trabalho é apresentar a obra aos educandos e, através de uma sequência bem elaborada de atividades, explorar as dimensões de produção, e em seguida, proceder ao ensino do gênero resenha. Para conferir o curta-metragem “A Obscena Senhora Silêncio” clique aqui

 

 

Acompanhe as novidades

Imagem de capa de Volta às aulas: a importância do planejamento docente
especiais

Volta às aulas: a importância do planejamento docente

Veja materiais selecionados para te apoiar na organização do trabalho letivo

planejamento docente, gestos didáticos, planejamento de aula, sequência didática

Imagem de capa de Poemas de Luiz Gama
textos literários

Poemas de Luiz Gama

Leia três poemas do escritor que introduziu a voz negra na literatura brasileira

poema, poesia, texto literário, Luiz Gama

Imagem de capa de Campanha: atualize seus dados de raça/cor no cadastro do Portal
sobre o Programa

Campanha: atualize seus dados de raça/cor no cadastro do Portal

Veja como atualizar suas informações e saiba mais sobre o processo de autodeclaração

Imagem de capa de Na Ponta do Lápis: revista chega ao número 40 com edição especial sobre culturas indígenas
sobre o Programa

Na Ponta do Lápis: revista chega ao número 40 com edição especial sobre culturas indígenas

Confira os conteúdos sobre línguas e literaturas indígenas de autoras(es) de diversas etnias do país

formação docente, educação para as relações étnico-raciais, línguas indígenas, literatura indígena, revista NPL

Comentários


Ninguém comentou ainda, seja o primeiro!

Ver mais comentários

Deixe uma resposta

Olá, visitante. Para fazer comentários e respondê-los você precisa estar autenticado.

Clique aqui para se identificar
inicio do rodapé
Fale conosco Acompanhe nas redes

Acompanhe nas redes

Parceiros

Coordenação técnica

Iniciativa

Parceiros

Coordenação técnica

Iniciativa


Objeto Rodapé

Programa Escrevendo o Futuro
Cenpec - Rua Artur de Azevedo, 289, Cerqueira César, São Paulo/SP, CEP 05.404-010.
Telefone: (11) 2132-9000

Termos de uso e política de privacidade
Objeto Rodapé

Programa Escrevendo o Futuro
Cenpec - Rua Artur de Azevedo, 289, Cerqueira César, São Paulo/SP, CEP 05.404-010.
Telefone: (11) 2132-9000