Saltar para o conteúdo Saltar para o menu Saltar para o rodapé Fale conosco
Portal da Olimpiada de Lingua Portuguesa Escrevendo o Futuro. Linkes rede sociais.        

 


A tessitura do Relato de prática

Para participar da 7a edição da Olimpíada de Língua Portuguesa, convidamos você, professora e professor, a escrever um Relato de prática e a organizar um conjunto de materiais - a Linha do tempo e o Álbum da turma - que, reunidos, vão contar a história do percurso de trabalho com a turma.

Da mesma maneira que uma tapeçaria é urdida por fios de diferentes cores e texturas que vão sendo combinados para compor a imagem de uma cena, o Relato de prática reflete sobre uma experiência construída por diferentes ações de todos os participantes: professores e professoras, colegas de profissão, estudantes e comunidade escolar. No relato, como na tapeçaria, podemos destacar certos detalhes que nos chamam atenção, mas o realce adquire força quando mantemos a noção do todo. Assim, para que os leitores e leitoras do seu texto possam compreender melhor o que você está ressaltando e por que isso se tornou relevante, você deverá, além da escrita do relato com a definição e a contextualização do foco, selecionar com seus alunos e alunas uma amostra das produções para formar a Linha do tempo e um conteúdo multimídia para compor o Álbum da turma.

❯ Conheça melhor cada um dos conteúdos, bem como questões e dicas que podem ajudar na elaboração e organização desses materiais (clique nos retângulos abaixo para visualizar):

Relato de prática (clique aqui)❯ 

Relato de prática é um texto reflexivo escrito por você, professor ou professora, no qual conta sua experiência com as atividades realizadas com estudantes na produção de um dos gêneros da Olimpíada: Poema, Memórias Literárias, Crônica, Artigo de Opinião e Documentário. É importante que seu relato tenha como foco um tema que considere relevante em relação ao trabalho desenvolvido.

Importante: o seu relato de prática deve ter até 15 mil caracteres com espaço.

Como decidir o foco do relato?

Para decidir o foco do relato, as perguntas que você fez durante a trajetória de desenvolvimento do trabalho e para as quais buscou respostas com a turma e com seus pares são as que melhor contarão o que vivenciaram:

✓ O que chama mais atenção nas suas anotações e reflexões?

✓ O que nesse percurso particular vivido por vocês pode ser especialmente inspirador para o trabalho de outros colegas?

✓ O que você considera mais singular e representativo?

Após conversar e refletir sobre suas anotações e sua experiência, a decisão sobre o que escrever é sua.

"Assumir-se professor-autor é compreender essa singularidade construída, é tomá-la como conquista própria, fruto de colaboração, na medida em que se pode explicar o que foi feito, como foi feito e por que o que foi feito faz bom sentido educacional tendo em vista as características e desafios daquele contexto específico, desconhecidos por quem não viveu aquelas experiências." (Revista Na Ponta do Lápis, 29, p. 13)

 

Veja a seguir algumas possibilidades:

  • As aprendizagens mais importantes da turma e como foram possibilitadas, por exemplo:
    • o amadurecimento no tratamento do tema em foco;
    • a familiaridade com o gênero estruturante e outros gêneros relevantes para o trabalho realizado;
    • o conhecimento e manejo de recursos linguísticos, discursivos e estilísticos.
  • A adesão dos alunos e alunas e o percurso da participação coletiva.
  • Uma etapa que você faria diferente e por que faria diferente.
  • Sequências didáticas ou atividades que você ajustou ou mudou para o trabalho com a turma e por que fez essa mudança.
  • Um desafio que não pôde ser superado e que agora você tem uma proposta de como resolver.
  • Sobre o ensino pautado por gêneros (Poema, Memórias Literárias, Crônica, Documentário ou Artigo de Opinião), o que você sabia e confirmou, reformulou ou aprendeu.
  • Um aprendizado novo sobre o ensino de leitura, oralidade, produção textual ou audiovisual em relação ao conhecimento produzido em outros relatos de prática.

Confira algumas perguntas que podem te inspirar para escrever seu relato:

  • A partir do seu diário e das conversas que você teve com a turma, o que se destaca em termos de conhecimentos aprendidos pelos alunos e por você? Como isso foi aprendido?
  • O que se destaca no percurso do ponto de vista de uma participação do coletivo? Como isso foi construído? O que poderia ser diferente?
  • O que foi necessário trabalhar com essa turma para que aprendessem determinado aspecto relevante para a produção dos textos? O que não foi possível fazer? O que você faria diferente agora? Por quê?
  • De que modo o trabalho avança o conhecimento em relação ao ensino de leitura, oralidade e produção de texto ou audiovisual? O que traz de novo? O que traz de diferente? Por que algo proposto (por você ou pelos cadernos ou por outro professor ou por um relato que havia lido) não funcionou ou funcionou com essa turma? O que você aprendeu com isso?

Linha do tempo (clique aqui)❯ 

Você e a turma selecionam duas produções finais e mais dois materiais preliminares de cada produção. No caso do trabalho com os gêneros Poema, Memórias Literárias, Crônica e Artigo de Opinião, devem ser selecionadas duas produções textuais finais e dois materiais preliminares (produções iniciais ou intermediárias, atividades, exercícios, entre outros) de cada uma; para o Documentário, serão duas produções audiovisuais finais e outros dois materiais preliminares (storyboard, sinopse, argumento, roteiro, atividades, entre outros) de cada produção. As diferentes versões são organizadas em uma linha do tempo, que deve apresentar um recorte significativo do percurso de produção textual ou audiovisual da turma.

Importante: vocês escolherão duas produções finais e dois materiais preliminares para cada uma dessas produções finais. Ou seja, ao todo sua linha do tempo será composta por seis materiais.

Quais produções escolher para compor a linha do tempo?

A seguir estão algumas perguntas que poderão orientar a escolha:

Poema, Memórias Literárias, Crônica e Artigo de Opinião:

  • Os materiais mostram o percurso do trabalho que resultou nas produções finais escolhidas para representar a turma?
  • As produções mostram mudanças/aprimoramentos/avanços entre os materiais preliminares e as versões finais?
  • É possível relacionar melhoras no texto com o ensino de determinados recursos linguísticos, discursivos e estilísticos?
  • É possível relacionar melhoras no texto com o desenvolvimento de determinadas atividades?
  • Os dois textos escolhidos (junto com seus respectivos materiais preliminares) representam a variedade dos textos produzidos na turma?

Documentário:

  • Os materiais mostram o percurso do trabalho que resultou nas produções finais escolhidas para representar a turma?
  • Os materiais representam diferentes etapas de produção do documentário (storyboard, sinopse, argumento, roteiro, cenas do documentários sem edição)?
  • Os materiais mostram indicações de ajustes de planejamento?
  • É possível relacionar aspectos do produto final com o ensino de determinados recursos da linguagem audiovisual?
  • É possível associar elementos do produto final com o desenvolvimento de determinadas atividades?
  • As duas produções audiovisuais escolhidas (junto com seus respectivos materiais preliminares) representam a variedade das produções da turma?

Lembrem-se: as produções finais não precisam ser as melhores. O importante é que sejam reveladoras do trabalho realizado por todos.

Álbum da turma (clique aqui)❯ 

Você e a turma selecionam um registro para ilustrar algum momento expressivo e escrevem uma legenda que contribua para a compreensão do material selecionado. Os registros podem ser fotografia, vídeo, áudio, storyboard, trailer, meme... Usem a imaginação para pensar em conteúdos multimídia para compartilhar momentos importantes!

Importante: dentre os registros feitos, vocês devem selecionar apenas 1 (um) para enviar junto com o relato de prática e as produções da turma.

Qual registro enviar?

É importante que o Álbum da turma ilustre, ajude a compreender e valorize o trabalho realizado. Para selecionar o que criar e enviar, reflita sobre questões como:

  • O material é adequado para representar o trabalho desenvolvido pela turma para chegar às produções finais?
  • A legenda formula o que é preciso destacar para que o interlocutor entenda o que é apresentado e sua relevância?
  • A legenda explicita a relação entre o registro e o trabalho desenvolvido?

Veja algumas dicas e exemplos para escolher qual registro enviar:

  • Fotografia: o que gerou a polêmica para o artigo de opinião; o que inspirou o documentário, a crônica, a memória literária, o poema; momentos do percurso de escrita; etapas de produção do documentário.
  • Vídeo-minuto: depoimento sobre o que gerou o documentário; trecho de entrevista sobre o tema; trecho do debate feito pela turma; momentos do sarau realizado; decisão coletiva da turma sobre quem seria o entrevistado para as memórias literárias; trecho da entrevista com essa pessoa; momentos de organização do trabalho realizado pela turma.
  • Áudio-minuto: leitura de trechos de poemas escritos pela turma; depoimento sobre o que gerou o documentário; trecho de entrevista sobre o tema ou com a pessoa entrevistada para as memórias literárias.
  • Storyboard do documentário.
  • Outros: confira aqui algumas outras possibilidades!

Para pensar na legenda

A legenda ajuda a compreender o material ilustrativo e indica o mais diretamente possível a sua relação com o trabalho desenvolvido. Uma frase para explicitar essa relação pode bastar. Vocês também podem decidir se seria importante apontar ou explicar algo que não esteja evidente no material.

Conheça agora "O dia a dia a muitas mãos", com dicas preciosas para organizar seu trabalho com a turma; e os "Critérios de avaliação", para saber como seu relato será avaliado.

O dia a dia a muitas mãos

Critérios de avaliação

 

 

fim do conteudo
inicio do rodapé
Parceiros
Fundação Roberto Marinho
 
Futura
 
Undime, União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação
 
Conséd, Conselho Nacional de Secretários de Educação
Coordenação técnica
Cenpec, Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária
Iniciativa
Itaú
 
Ministério da Educação
Programa Escrevendo o Futuro / Olimpíada de Língua Portuguesa
Cenpec - Rua Minas Gerais, 228 Higienópolis, CEP 01244-010 São Paulo/SP
Central de atendimento: 0800-7719310
Fim do rodapé